domingo, 19 de setembro de 2010

CAPRICHO 1001

Patriotismo discreto...

Oi, geralmente não explico colunas nem nada, mas essa surgiu de uma maneira especial e tudo começou com a publicação desse mico, que na época tinha um formato diferente dos de hoje: as leitoras enviavam e eu os adaptava em forma de conto, mas mantinha praticamente tudo o que a leitora contava ou expressava no mico. Bem, segue o mico:

AMIGA SUPER-PATRIOTA

Livremente inspirado no mico de... Anônima

Fulana esperava o portão do colégio abrir junto com a amiga Cicrana. Como não tinham mais fofocas pra fazer, Fulana ficou olhando ao redor até reparar em algo. Aí ela comentou:
— Cicrana, olha só o tamanho daquela bandeira do Brasil naquela janela. O morador deve ser muito cafona. E aposto como deve ser baiano.
— Ah, é?! Pois eu tenho uma igual na minha casa, pendurada na minha janela!
Fulana ficou tão impressionada com o patriotismo e baianice da sua amiga Cicrana que não sabia onde enfiar a cara e deu um jeito de pedir para o porteiro do colégio abrir o portão que ela precisava ir ao banheiro. Provavelmente para enfiar a cara no vaso e dar descarga.
Moral do mico: nunca fale mal de um patriota ou de um baiano, você nunca sabe quando tem uma praga dessas por perto.

Bem, depois da publicação desse mico, a redação recebeu diversos e-mails de baianas enraivecidas de todas as idades e a editora pediu pra eu escrever uma resposta pra elas. Eis a resposta:

Você já contou piadas de negro? Você é racista!
Você já contou piadas de português e argentino? Você é xenófoba!
Você já contou piadas sobre Jesus, Deus ou de padre? Você é atéia e vai para o Inferno!
E se você não contou mas achou graça de qualquer uma dessas piadas, o mesmo vale para você!
Mas como você é uma leitora inteligente e sagaz, você sabe que a maioria das pessoas que conta essas piadas e as que acham graça delas não são nenhuma dessas coisas.
No entanto, em toda roda de piada, tem sempre aquela pessoa que não entende a piada ou só ri depois que todos já acabaram de rir.
Mas em relação a última polêmica criada por algumas leitoras deste “preconceituoso” humorista, acho que qualquer criatura sensata sabe que o(a) baiano(a) é tão somente uma pessoa nascida na Bahia e criada na cultura baiana, o que não quer dizer que ela seja nem melhor nem pior do que um paulista, um gaúcho ou um amazonense, apesar de, absurdamente, a maioria dos estados brasileiros acharem-se uns melhores do que os outros.
Concluindo, é claro que os baianos não são cafonas e muito menos uma praga, mas gente burra é!

E é claro, depois disso, me senti na obrigação humorística de fazer uma coluna sobre a Bahia e seus encantos... ;-)



O QUE É QUE A BAHIA TEM?

Tem as Casas Bahia, que nos deu um dos garotos-propagandas mais malas da TV brasileira!

Tem o Jorge Amado, que é idolatrado por muitos dos seus conterrâneos que jamais sequer abriram uma página de seus livros!

Tem bairrismo tão sem noção como o dos gaúchos!

Tem o mais famoso carnaval de rua do Brasil, onde todo mundo dança mijado porquê não consegue sair do aglomero e faz xixi nas calças mesmo!

Tem Axé Music, que virou uma das modas musicais mais chatas do país! Só perde para o Jota Quest!

Tem o ACM, que é a maior prova de que os políticos fazem o que querem e que a impunidade manda no Brasil!

Tem o Caetano Veloso, que faz músicas muito bacanas, mas que quando dá entrevista diz mais besteira do que este colunista!

Tem terreiro de candomblé em tudo que é canto, o que causa um transtorno pros habitantes, que tem que desviar de despachos e galinhas mortas em todas as esquinas!

Tem vatapá e acarajé, que é uma delícia, mas que deixa o turista desavisado todo cagado!

Tem a Carla Perez, que muito fez e contribuiu para a “curtura” brasileira!

Tem o Popó, que deveria virar super-herói e dar umas bolachas no ACM!

Tem o Monte Pascoal, que foi a primeira coisa que o Cabral avistou e que se não tivesse avistado, talvez hoje a gente fosse europeu!

E ainda tem gente mal-humorada e meio lenta das idéias que lê piada, não entende e fica com raiva!

Jerri Dias teve que cancelar suas férias na Bahia.


29 comentários:

Mariana disse...

Rsrs
Mto engraçado!

Anônimo disse...

eu ñ gostei tanto assim. eu sou baiana(o) e fiquei ofendida(o) com certas coisas, como quando disse que nós nunca abrimos uma pagina dos livros de Jorge Amado,ou quando disse q tem pessoas meio lentas, eu entendi todas as piadas muito rapido e ja li varios livros, inclusive de Jorge Amado.

}Lúuh disse...

hahahaahaha
souu baaiana e adorei a materia!!!

Anônimo disse...

Adooro o Jerri, mas ele falar do ACM que era best do meu pai, ai mexeu comigo, ele era perfo, tio ACM, sempre la em casa. Que saudade, desde que ele faleceu... AAAAH fala mal do ACM, NÃO. e baiano não é preguiçoso.

Anônimo disse...

Velho , fiquei muito ofendida , por mais que eu tenha nascido no RJ , vim morar na Bahia com 2 meses . Vey , eu acho isso uma putafaltadesacanagem com os bahianos . Velho , eu ja li quase todos os livros de Jorge Amado , os livros deles são perfos . Acarajé não dá dor de barriga só pra vc se tocar ! Axé Music é uma das melhores categorias de músicas que eu já vi . O nosso carnaval não é o melhor do Brasil não .. ELE É O MAIOR CARNAVAL DE RUA DO MUNDO , e ninguem é mijado não pra sua informação ! Eu entedi as piadas ... mas eu acho que vc deve muito bem pensar antes de falar as coisa , pois assim , vc acabe com o dia de muita gente ! Vai tomar no ** Jerri .

Anônimo disse...

Olha, o humor não tem essa de preconceito ele so esta zuando.Eu sou loira e o Jerry sempre faz piadas de loiras e eu não me ofendoo'porque so se ofende quem a carapuça serviu ;)

Anônimo disse...

Gostei do q voce falou Jerri nao sei se eu fosse baiana iria gostar, mais sou alta e tenho ua amiga mega baixinha entao os idis da minha sala vivem falando da gente e eu nem ligo,pois ateeu riu disso,e quem se ofende é por que é assim,se nao éapenas acha ingraçado.Nao acho legal ofenderem voce por causa disso.Detale tem baiano q neo gosta de tudo simples e zoa a gente por causa disso!

Ana Lú :D disse...

Ah, gente vamos deixar de ser ignorantes! Poxa todo mundo já fez piada de alguém o algo na vida. Ninguém é politicamente correto(a). O Jerri está aqui só pra fazer o trabalho dele (tratar de vários temas com bom humor), e tenho a certeza que a intenção dele não é ofender ninguém. Pow, se vocês não gostam da coluna ou do blog dele, então simplesmente parem de ler (hausuahua...que defesa hein!).

Lorena disse...

Oii Jerri :)
Gosto muito do seu humor e das suas piadas... Sempre que eu compro a revista CH, eu vou direto ler o mico da galera, haha.
Ta, mais chega de enrolação!
Bom, eu sou baiana... Mas por favor não pense: ' mais uma que vai se queixar ' . Porque não é assim. Eu vou dizer os motivos pelo qual não gostei da piada:

Não só você, mas acho que quase todos os humoristas, tem sim um certo preconceito com a Bahia... Nem adianta dizer que não. Porque são feitas as piadas dizendo que o baiano é preguiçoso? Ninguém tem como provar isso, meu!
E o seu texto 'O que é que a Bahia tem?' , eu achei muito preconceituoso. Você não falou o que a Bahia tem, e sim o que a Bahia não tem! Só falou muito mal. E isso não é má interpretação minha... Toda desculpa de humorista é ficar dizendo: Se faz um piada falando de negro é preconceito e etc etc etc.
Na realidade é tudo preconceito sim. Eu acho que você tem o seu direito de fazer suas piadas, e nós temos o direito de não gostar e criticar.
Outra coisa que eu não entendi: De onde saiu todo esse ódio pelo ACM! Nossa cara, você falou muito mal de uma pessoa que foi e será sempre muito amada na Bahia, porque ele sim, fez muitas coisas por nós.
Jerri, é só isso ta. Essa é a minha critica e tenho certeza que depois de todos os comentários sobre esse artigo, você pensará melhor antes de criticar tanto a Bahia e os baianos que lêem os seus contos.

;)

Amanda disse...

Bom, concordo com o que a Lorena disse.
Gosto bastante de você, nao compro mais CH mas sempre que posso leio seu blog da capricho e esse daqui. Sou baiana, mas todos de minha familia sao de são paulo e de curitiba, e agora estou morando em sampa, e sei bem na pele o que eles pensam sobre nao só dos baianos mas de todos os nordestinos. Não quero que voce pense, tambem, que sou mais uma reclamando.
Você entende, que nao é o fato de nao entender as piadas ou demorar de fazer isso, mas é questao de respeito à cultura do outro. Isso foi o que me chamou atençao em comentar esse post. Penso que voce nao deveria falar dessa forma (nao querendo dizer o que voce deve fazer ou nao, é so uma opnião), pois você nao deixa de ser uma referencia para muitas adolescentes que leem seus posts. Adolescentes que estão em processo de desenvoltura de sua opnião. Eu entendo a sua mensagem nesse post, mas pode ocorrer uma má interpretação aí.
Quando voce diz 'o que é que a bahia tem' voce coloca coisas que como diz Lorena, a bahia nao tem, talvez ate no caso do caruru e vatapá talvez, mas muita coisa ali é sim esteriótipo. E acho que quem é baiano (a) e acha graça dessas piadas nao tem nem um pouco de senso critico.

tila disse...

Eu não sou baiana, mas acho que esse seu post de, não sei, provavelmente pedir desculpas, só piorou a situação jerri '-', acho que um simples: "desculpa se ofendi alguém, não foi minha intenção, sério mesmo, desculpe." não ia correr risco de piorar as coisas, e provavelmente mtas leitoras baianas que têm o dom de perdoar, concerteza iria desculpar :)

Élide Elen disse...

Como baiana tenho que admitir que não me senti nem um pouco ofendida, só não posso namorar gaucho já que todos são gays, rsrsrsrs

Beijos!!!

Élide Elen disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Élide Elen disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eve disse...

Eu que sou baiana, adolescente, claro que não gostei muito, a ideia de "preguiçoso" não me irrita muito. Mas devo dizer que seu post foi sim preconceituoso. Um homem, que na sua posição, deveria saber que tudo que põe na internet influencia muito os adolescentes. Pq muitos brasileiros não gostam quando um ator gringo fala mal do BR? Quem mora fora sofre muito mais. Para quem mora na Bahia, isto não afeta muito, porém para quem mora em qualquer outro estado pode sofrer bullyng na escola/rua ou algo pior. Só quero que saiba que o senhor está dando muita força ao preconceito. Não é difícil fazer humor sem prejudicar baianos, gaúchos, loiras, negros, obesos etc.

Flor disse...

uui gente! que coisa! Eu sou loira e todo mundo faz piada de loira, ai ninguem briga, né? Eu sou baixinha, e toso mundo faz piada. Sou mulher (menina, sei la) e tambem tem muita piada, e eu, morro de rir! Se voces ficaram ofendidas nesse coluna, é porque sao egoistas! Se quer ficar ofendida com preconceitos em piadas, entao nao conte nenhuma, nem ria de nenhuma! Ué? Pimenta nos olhos dos outros é colirio, né? Poxa, a gente tem que aprender a rir mais, ate da nossa propria cara! Se nai a vida vai ficar muito chata e sem graça! Se voce ja leu jorge amado, entao deixa quieto, ué, sabe que é mentira, nao precisa se preocupar, se voce gosta de axé, sabe que tem estilo de musica que voce nao curte, e provavelmente zoe, mas eu posso gostar desse estilo! e ai? que gente estressada! Meudeus! Se voces estao assim, entao pçor favor, me mandem um livro de humor politicamente correto, e se eu rolar de rir, posso ate mudar de opiniao!

Quelzaah disse...

Sou baiana, e não me incomodo com piada de baiano acho até muito engraçado... Mas a realidade é q não tem nada haver oq vc falou
Sorry :/

Anônimo disse...

Oi Jerri,
Sou baiano(a) e preciso te informar de algumas coisas:
1) Por mais incrível que possa ser as casas bahia não surgiram na Bahia(na verdade elas só chegaram a salvador a mais ou menos um ano). E essa é uma pergunta que todo baiano fazia: Porque as casas bahia tem esse nome e não existe na Bahia?
2) Eu concordo plenamente com a sua crítica com relação ao fato dos baianos não valorizarem os livros do nosso grande escritor Jorge Amado. Essa é na verdade uma pergunta que me faço: porque vestibulares de outros estados adotam livros de Jorge Amado e a UFBA(Universidade Federal da Bahia) não adota?
Bom é isso e realmente não sei porque os baianos não dizem que alguem fez paulistada ou gauchada(tudo bem que para os gaúchos sobraram a fama nde gays) quando alguém fez alguma merda.

Anônimo disse...

Poooxa vei.. tipo sou baiana e com toda certeza fiquei muito decepcionada com sua resposta /:
Coomo assim? "Tem terreiro de candomblé em tudo que é canto" isso não é verdade, nunca passei por nenhum! aqui tbm temos muitos católicos como eu, protestantes, espiritas, judeus e pessoas d outras tantas religiões.
Com essa sua "resposta" vc contribuiu ainda mais com o preconceito que sofremos. Decepcionaste

Anônimo disse...

Sou baiana, gostava muito do blog na Capricho, depois do post e da revolts da Bahia achei que teríamos uma resposta descente, mas depois dessa deu pra perceber que o que nasce sem cultura vai morrer sem ela. Você esqueceu de dizer que a baiano como qualquer outro brasileiro é gente, com sangue correndo nas veias... Jerri depois de dois erros seguidos se mata! Seu ridículo .

Anônimo disse...

aiai...e a maioria dos comentarios ai embaixo soh prova que elas NAO, NAO ENTENDERAM AS PIADAS!- mesmo dizendo que sim. ¬¬'
paciencia ne u_u

Anônimo disse...

Não gostei nem um pouco desse post. Achei uma falta de respeito com os baianos, você ja foi na Bahia para saber se lá realmente é assim? Eu sou paranaense, mas se dependesse de mim, já estaria morando na bahia a muito tempo, deve ser muito legal morar em um lugar tão significante na história do Brasil. Várias 'informações' suas também estão erradas, a Casas Bahia só foi inaugurada lá ano passado. Na maioria das escolas é obrigatório ler algum livro de Jorge Amado. O carnaval baiano é o 'melhor do mundo', você ainda não se tocou não? Eu adorava seu blog na Capricho, entrava lá toda semana, por isso resolvi ver esse seu blog independente, li só 5 posts dele e já resolvi nunca mais entrar aqui nem na capricho. Você é preconceitoso demais.

Anônimo disse...

Jerri, adoro seu blog e sua coluna na Capricho, mas poxa, que post infeliz esse e aquele primeiro mico sobre baianos! Ok, não estou dizendo que és preconceituoso ou nada do tipo mas acho que devias ser mais respeitoso com o povo de lá. É sério, sua retratação não ajudou em nada, pelo contrário, tu mostrastes que não se importa nem um pouco com o que os leitores pensam, nem com o que a própria Abril pensa! Uns acham isso "despojado" mas eu, particularmente, acho ridículo tanto descaso com as pessoas que pediram retratação e com os baianos em geral. Tudo bem fazer uma ou duas piadas sobre argentinos ou portugueses, mas primeiro: com um estado brasileiro é diferente; e segundo: dois posts cheios de piadas sem graça sobre a mesma coisa, mesmo sabendo que muita gente que entendeu a piada e não é burra ou uma praga, não gostou, já é demais. Sou catarinense e achei muita estupidez de sua parte. Você não vai ler mas acho importante me manifestar para que pelo menos saibas que não podes fazer o que quiser, nem no seu próprio blog, que ninguém liga. Sem mais para o momento, me despeço.

Fabi disse...

Jerri, adoro seu blog e sua coluna na Capricho, mas poxa, que post infeliz esse e aquele primeiro mico sobre baianos! Ok, não estou dizendo que és preconceituoso ou nada do tipo mas acho que devias ser mais respeitoso com o povo de cá. É sério, sua retratação não ajudou em nada, pelo contrário, tu mostrastes que não se importa nem um pouco com o que os leitores pensam, nem com o que a própria Abril pensa! Uns acham isso "despojado" mas eu, particularmente, acho ridículo tanto descaso com as pessoas que pediram retratação e com os baianos em geral. Tudo bem fazer uma ou duas piadas sobre argentinos ou portugueses, mas primeiro: com um estado brasileiro é diferente; e segundo: dois posts cheios de piadas sem graça sobre a mesma coisa, mesmo sabendo que muita gente que entendeu a piada e não é burra ou uma praga, não gostou, já é demais. Sou catarinense e achei muita estupidez de sua parte. Você não vai ler mas acho importante me manifestar para que pelo menos saibas que não podes fazer o que quiser, nem no seu próprio blog, que ninguém liga. Sem mais para o momento, me despeço. +1
eu sou da bahia

Anônimo disse...

ao contrario dos baianos acima, nunca li nada sobre você, não me interessa a sua opinião preconceituosa e sem base alguma. Pessoas como você ajudam a difundir o ódio racial, a intolerância e a mediocridade. Ser humorista é ser também responsável. Até quando o Brasil vai se valer dessa pseudo liberdade de expressão para que moleques expressem em rede aberta a sua capacidade de gerar estragos. Você pode dizer o que quiser, sem quem sou e sei onde nasci. Quem são meus pais e meus conterrâneos. Não consigo ver suas críticas em nós.

Anônimo disse...

Fala sério que você escreve pra Capricho???!!! Que lixo de pessoa escreve criticas raciais para adolescentes em formação. Você devia ser demitida, irresponsável.

andre disse...

Gostei muito das piadas! Alguem tem que falar mesmo. Eu moro com um baiano! Meu deus do céu, o bicho nao se mexe pra nada, e se deixar ele sosinho, acho que a casa vira uma monte de lixo!
Uma vez ofereci um curso todo em PDF para ele,de montagem e manutenção de compoutadores, e ele me perguntou "acreditem" se as video-aulas eram muito demoradas! entre outras cositas mais... Valeu galera mas sem ofensa, tem que dar risada mesmo, porque a cultura acho que nao muda!

Belle disse...

A verdade é a seguinte: Brasileiro só acha graça quando a piada é com gringo. Quando é piada é com ele próprio, a historia é outra. xD

Anônimo disse...

Ou, vcs por um acaso já viram a quantidade de piada de mineiro q tem?? eu nao reclamo... tem q se ofender do que??? todo mundo sabe q estereótipo é asneira,q nem todo mundo é igual ao q dizem!!!! Vê se para de frescura , Brasil!!