terça-feira, 10 de novembro de 2009

TV PIRATA – Série Brasileira


TV PIRATA, inteligente demais para durar.

Provavelmente o melhor programa humorístico da TV brasileira até o momento. Apesar da edição e do timing da direção serem um pouco lentos para os padrões de hoje, o excepcional talento dos atores, o texto inteligente, a sátira mordaz e o deboche completamente anárquico fizeram de TV PIRATA um dos programas mais cultuados pelos fãs de humor nonsense.

Nitidamente inspirado nos programas MONTY PYTHON’S FLYING CIRCUS e SATURDAY NIGHT LIVE, TV PIRATA exibia quadros curtos onde tinham liberdade para debochar de praticamente tudo: desde o infame ex-presidente Collor até super-heróis.

Produzida pela Globo entre 1988-90 e 1992, a série foi criada pelo diretor Guel Arraes e pelo roteirista Cláudio Paiva, mas o grande ás na manga eram os roteiristas contratados: Luis Fernando Veríssimo, Laerte, Glauco e todo o pessoal do Casseta & Planeta, que sempre escreveram muito melhor do que atuam.

Com roteiros escritos pelo melhores humoristas do país, Guel teve a bela sacada de contratar atores tão bons e talentosos para o programa e aí tivemos a graça de assistir Débora Bloch, Cristina Pereira, Guilherme Karan, Diogo Vilela, Luiz Fernando Guimarães, Regina Casé, Cláudia Raia, Pedro Paulo Rangel, Louise Cardoso, Ney Latorraca, Marco Nanini, Denise Fraga, Maria Zilda Bethlem, Antônio Calloni, Marisa Orth e Otávio Augusto fazendo os mais variados, bizarros e hilários personagens que já passaram pela TV brasileira.

E se você nunca assistiu, no You Tube tem diversos quadros e episódios completos. E na locadora você encontra alguns DVDs com o melhor do TV PIRATA.

7 comentários:

Sophie disse...

Vou procurar alguns episódios, com certeza. Sempre tive algum interesse, porque ouço falar muito bem, mas nem sequer sonhava em nascer quando era exibido na TV.

Abraço, Jerri!

E agradeço se tiver tempo/paciência de sobra para visitar meu blog (http://prettyoverdone.blogspot.com/). :)

Bruna Bianconi disse...

Acho que a TV Pirata foi um dos únicos programas que realmente prestou na Globo. É fato que hoje em dia existem mais recursos mas a qualidade do programa esta nisso, ele era ótimo mesmo com os recursos de antigamente. Esse programa é um daqueles que ninguém pode morrer sem assistir.

Beijos Jerri.

carolzets disse...

olha, nunca assisti isso naum mas achei maió barato!! q pena q saiu do ar, e a globo é uma droga ¬¬

Patrícia disse...

Que elenco! Só ouvi falar, se assisti não lembro, mas despertou a minha curiosidade!

Li seu protesto sim, e dou a maior força pra lutar pelo que é seu! Só de ler já fiquei com uma raiva sem tamanhos!

Obrigada por comentar no meu blog. Tive que atualizar duas vezes pra ter certeza de que o Jerri Dias me comentou *.*

Beijo

Natália disse...

Eu vi alguns episódios, mas o que eu mais gostei é de um que fala sobre o michael jackson, morri rindo! beijos

carolina bruna disse...

eu me lembro de puco coisa, eu era pequeninha, mas lembro que eu adorava, principalmente o Barbosa, eu num poia ouvir ele falar que eu já caia na gargalhada!

Lalá disse...

Olá,
Realmente, inteligente demais para durar. Assim como "A pedra do reino" foi arte demais para eles tentarem reproduzir.
Uma forma de humor que lembra um pouco a crítica da TV Pirata, é a peça teatral "Terça insana", que com personagens do cotidiano,com "tipos" bem delineados,carrega no humor uma grande crítica.
Sempre sinto por não ter visto TV Pirata na televisão...

Beijo.