domingo, 8 de abril de 2012

ALEXANDER BRENER - Performance



Alexander Brener grita para cada obra: “Porque não me colocaram nesta exposição?”

Performance na exposição “O artista ao invés da obra”.
Moscou, 1994

Alexander Brener é um performer radical. Nascido na Rússia, suas performances mais famosas incluem vandalismo em galerias de arte. Perturbar exibições, quebrar, destruir e alterar obras de arte acabaram por levá-lo a prisão. Ele também realiza performances onde busca criticar a arte e a sociedade sem necessariamente vandalizar nada, o que mais ou menos prova que ele não é um artista frustrado com inveja dos outros.



Ação na exposição de outono do 5º aniversário da galeria M. Guelman.
Moscou, 1995



“Bem me quer, mal me quer”
XL Gallery.
Moscou, 1994.

Um comentário:

Ariela Boaventura disse...

Muito interessante.
Lembra conceitos de Gustav Metzger e a arte destrutiva, nos anos 60 (manifesto aqui: http://www.luftgangster.de/audeart.html). Escrevi uma novela em que uma artista se inspirava nisso para criar uma obra de arte viva: o próprio bebê. O texto foi destruído por um curto-circuito que queimou o computador. :B