domingo, 4 de maio de 2008

CAPRICHO 921


FICANTE OU NAMORADO

Como saber se o menino é uma coisa ou outra.

1. Alguém conta uma piada e ele começa a rir como um hipopótamo com tosse.

É ficante... - Você ri da cara dele e sai fora, procurando coisa melhor.

É namorado... - Você se encolhe toda de vergonha.

2. Você apresenta o menino para sua amiga de todas as horas, que acaba ficando interessada nele.

É ficante... - Você o libera para ele ficar com ela.

É namorado... - Os dois ficam sem você saber.

3. Você quer ir ao show do Jota Quest e ele ao jogo do Flamengo.

É ficante... - Cada um vai fazer o que está a fim de fazer.

É namorado... - Ele a proíbe de ir ao show do Jota Quest, porque, afinal, o Jota Quest é ruim pra caramba.

4. Você sai com ele usando a menor minissaia que conseguiu comprar.

É ficante... - Ele acha o máximo exibir você para os amigos.

É namorado... - Ele joga a saia fora e pede para que você coloque uma saia da sua mãe.

5. Vocês estão no maior amasso na balada e seu pai aparece.

É ficante... - Ele dá no pé e a deixa sozinha.

É namorado... - Ele diz “oi”, dá tchau e a deixa sozinha.

6. Vocês vão assistir a Matrix Reloaded.

É ficante... - Vocês não entenderam nada porque ficaram se amassando.

É namorado... - Vocês não entenderam o filme porque a ex dele estava no cinema, piscou para ele e vocês ficaram brigando o tempo inteiro.

Jerri Dias não sabe se fica ou se vai.

2 comentários:

Bruna Wagner disse...

kkk, adorei! muito bom mesmo!
e o pior que a número 5 é exatamente o que acontece! brilhante Jerri!

Kitty disse...

kkkk...em duas situações,eu nunca vou saber diferenciar: 1. eu odeio Matrix..acho totalmente sem pé nem cabeça
2. Pra eu querer ir pra show do J Quest, só não tendo o que fazer em casa ou numa camisa de força..bandinha fuleira! --'

mas adorei as situações!

quanto ao comentário sobre sinceridade e respeito nas relações amorosas, concordo contigo..tem vezes que eu tento ser sincera (tipo agora, gosto de um guri e ele dá dicas de que gosta tb, mas ao mesmo tempo ele dá umas surtadas e me corta, enfim, tragédia grega longa demais.), mas a danada da insegurança bate, e eu n sei se vou ou se fico..Mas tirando essas situações, quando me sinto à vontade, sou 100% sincera, doa a quem doer. Muitas vezes isso vai contra mim, mas em outras, vai a meu favor. Mas minha consciência sempre termina limpa. É o que mais importa, right?
beijos!