sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

LOVE AAJ KAL (Índia, 2009) - Filme


Salif Ali Khan interpreta os papéis dos protagonistas do passado e presente, mas estranhamente se sai bem melhor interpretando seu personagem dos anos 60.


Drama romântico musical intercalando duas épocas diferentes na cultura indiana. Uma passada nos anos 60, narra a luta de um casal para ficar junto quando preconceitos econômicos e de casta eram uma tradição na sociedade. A outra mostra um casal moderno que se conhece em Londres e passa a ter uma amizade “com benefícios” sem nunca se assumirem. Enquanto o casal do passado sacrifica tudo pelo amor, o casal moderno sacrifica tudo pela carreira.

Embora nem sempre consiga manter o ritmo, ou simplesmente não estou acostumado com a narrativa de filmes indianos, e a química entre o casal moderno não funcione bem o tempo todo por conta do ator principal, o filme consegue trabalhar bem os extremos culturais de cada época e emociona em vários momentos. Ousado, o filme tem até uma cena de beijo, o que certamente fez com que ele tivesse censura para menores de 18 anos na Índia, já que lá beijos são considerados quase pornografia. Tudo isso embalado com muita dança e música em uma produção bollywoodiana classe A dirigida por Imtiaz Ali.

Como grande curiosidade, uma das atrizes principais deste filme é Giselli Monteiro, uma brasileira do Espírito Santo. Além desta, ela também foi coadjuvante em outra produção indiana, ALWAYS KABHI KABHI. 


Giselli Monteiro, uma indiana capixaba.


Em tempo, uma das melhores coisas da internet é poder ter acesso a obras que jamais teríamos acesso em nosso país, simplesmente porque a cultura americana domina quase tudo. Me pergunto se o interesse dos grandes estúdios também não é impedir que você tenha acesso a obras de outras culturas, já que fora da internet, os cinemas e as locadoras são dominados por produções de Hollywood.




Nenhum comentário: